Artista plástico  Enilson Meira  em óleo sobre tela
     Auto-retrato e biografia do artista   Pinturas históricas de Brumado        Rostos             Curso de pintura em tela
   Memorial da Câmera de vereadores              Waldick Soriano       Vídeos                    Anísio Teixeira
               Pinturas diversas                 Mona Lisa   Nu artístico    A verdadeira história da Mona Lisa
                                     Contatos:               (77)  9985 3062                        e-mail    meira.45@hotmail.com
              Auto-retrato e biografia do artista            O uso dessas imagens não são permitidas para transações comerciais, e sim para fins educativos.         -        Direitos reservados.       ---

               Enilson Meira nasceu em 1962  na cidade de Brumado , município situado  no sudoeste 

                                    da Bahia, região do polígono das secas.  Filho de comerciante e mãe dona de casa,

                             desde  criança Enilson já desenhava na escola e em casa, aos 15 começou a pintar quadros, aos

                             18  já  pintava  em  óleo  sobre  tela.  Concluiu  o  ensino  médio , mas  não  freqüentou cursos

                             superiores de artes plásticas. Não lhe foi possível uma educação sistematizada  na  área, para  a

                             qual deus lhe concedeu invejável talento.        Diz Meira com modéstia:   “Criei  minha  própria

                             técnica e me aperfeiçoei,  o  meu  diploma são  os  meus  trabalhos,  mas sou  aluno  de  minha

                             persistência,    porque o segredo da arte é infinito. Uma vida não  é  o  bastante para alcançá-lo,

                             todavia o suficiente para aprender  coisas  lindas  e  poder  desfrutá-las;  independentemente  da

                             fama, crítica ou política eu sou amante da arte.”.

 

                                O autodidata Enilson Meira é a expressão crua da verdade de um homem a  procura  de  sua

                             arte,  em permanente  evolução,  a  afirmar como um artista através os seus quadros a altura de

                             qualquer comparação. Não custa o observador descobrir nos  trabalhos  de Meira os eflúvios de

                             uma arte que emociona pelo prazer estético que imprime  ao  olhar ainda que seja despercebido,

                             assim como olhamos para os autorretratos do artista , as pinturas de rostos, nus, paisagem  etc... 

                             pintado por esse artista nascido no interior  da Bahia que  pelo talento que fez  pintor cujo traço

                             poético vai além das possibilidade e não se limita aos padrões consagrados de beleza, conhecendo

                             a responsabilidade de seu oficio e prima por praticar  a  arte plástica com determinação cósmica

                             como se colocasse todas as suas emoções naquilo que faz.

 

                                 Enilson Meira foi um dos fundadores  do Mercado de Artes  de  Brumado em  2001,  tendo

                            como atração principal o quadro  “O mendigo bananinha” de sua criação, a partir  daí se  tornou

                                   um artista conhecido em Brumado e regiões.

 

                             Em 2003 Enilson Meira fundou o primeiro curso de pintura em tela de Brumado, desbravando

                            essa cultura e incentivando  artistas anônimo em seu curso de pintura.   Atraído  pela  TV  local,  

                            Meira deu várias entrevistas que foram, inclusive, exibida em rede nacional na TV Globo.

                            Com a aceitação  do seu  sucesso  na  sociedade,  o  Presidente  da  Câmara  de  Vereadores de

                            Brumado, de 2005 a 2008, Leonardo Vasconcelos, com a sua sensibilidade cultural,  encomendou

                            ao artista 65 quadros  em  óleo  sobre  tela  retratando a  história de Brumado os quais estão em 

                            exposição permanente no memorial da Câmara  tendo grande  visitação pela  sociedade  e sendo

                            útil no processo sobre a história do nosso município. O artista vem participando de vários eventos 

                            em  Brumado e regiões, expondo em  feiras de artes, no Abracadabra,  na  feira de negócios, na

                           Universidade do Estado da Bahia - Uneb, na Fundação de Anísio Teixeira, em  Caetitè com  dois 

                            quadros de sua criação  “Anízio Teixeira e  Waldick Soriano”,  entre outros,  tendo sempre uma

                            grande aceitação por parte dos observadores.

 

                               Por conta de sua habilidade, Enilson Meira vem requisitado pelos amantes da arte que realizam

                            várias encomendas; inclusive vários empresários, ativada em seu  âmago  a  sensibilidade pela  a 

                            arte, solicitam obras a fim de embelezar o ambiente de trabalho e suas residências.

                            Meira, com sua página na Internet, vem  atraindo milhares de internautas,  já foram  exibido seus

                            trabalhos em capa de revista e livros no Brasil e em outros países,  tendo também alguns de seus

                            trabalho fora do Brasil, no Japão, Alemanha entre outros.   Atualmente Enilson M. reside em sua

                            cidade ministrando aulas de pinturas em tela e, com a evolução  dos seus  trabalhos.

 

                                  O seu papel,  com  certeza  será  imortalizado na história da arte e dos homens.

 

                                                             

                                                                                    Auto-retrato.   Medida da tela 25x30

                                                               

                                                                                 Autorretrato   medida da tela    20x30

 

                                                        

                                                                 Autorretrato do artista em exercício.   medida da tela 60x80

                                                                                               Sobre pintura

                                     Origem :         Criação

                                     Encenação desta obra:         Antes que o artista personagem

                                     termine a pintura a moça cria vida e olha para o observador

                    

                                  

                                                                            Corte

                                   

                                               

                                                                                                                                                           Agradecimentos

 

                                                                           Obrigado senhor por me dás o dom de pintar e pela saúde que envolve em   mim e em minha família .

                                                                           Não frequentei  a faculdade dos homens, mas o Senhor me ensinou  a  trabalhar com a Alma.

                                                                           O meu diploma e o meu  troféu  está  nos  meus trabalhos e  na opinião   pública.

                                                                           Obrigado por eu ser uma pessoa simples e com dignidade.

                                                                           Tapas os meus ouvidos de quem me calunia e zombas do meu nome e  não deixe que eu  necessito

                                                                           dessas pessoas por nada.    De  saúde  aos  meus inimigos para que eles possam  assistir de perto

                                                                           a minha vitória.

                                                                            Segure a minha  língua para  que  eu  não possa  ofender  as  pessoas  de  bem.

                                                                            Afastai do meu canto os falsos amigos  e  ensinai o caminho  da minha  casa  ás pessoas boas  para 

                                                                            que elas possam  sentir em mim a tua presença .

 

 

                                                       

 

                                                                                Fundo musical -  Eduardo Lages -  A distância, Cavalgada - "Roberto Carlos"